museudoourosabara

O museu está instalado em uma casa do século XVII, com arquitetura do período colonial do século XVII. O edifício já abrigou a Antiga Casa de Intendência e Fundição, onde era feita a cunhagem e a tributação do ouro, mais conhecida como a cobrança do quinto pela Coroa Portuguesa, extraído da Comarca do Rio das Velhas. Com o fim das atividades tributárias, o prédio foi a leilão, no ano de 1840, assim foi transformado em moradia, posteriormente em escola até ser adquirido pela Companhia Siderúrgica Belgo-Mineira e ser doado ao Serviço do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (SPHAN). Com isso, o prédio é reformado e transformado em museu no ano de 1946.

Em seu acervo constam peças e equipamentos utilizados na garimpagem e na arte de ourivesaria.[2] O museu também guarda uma prensa, datada no ano de 1670, utilizada em casas de fundição e um engenho de triturar minério de ouro, com o qual se substituía a mão de obra escrava no oficio. Além das exposições, funciona no local uma biblioteca especializada na história de Minas Gerais e do Brasil.[3]

Continue lendo após a publicidade

O Instituto Brasileiro de Museus, órgão do Ministério da Cultura, administra o local.

via Wikipédia

Compartilhe com seus amigos!
Facebook
Twitter
WhatsApp
Email

Publicações Relacionadas

Fique ligado em tudo que acontece em Sabará!

Quer receber informações por email?

Se você tiver interesse de receber as atualizações do Sou Sabará em seu email, com notícias, vagas de emprego, cursos, eventos, etc... Cadastre-se abaixo. É grátis.

Quer receber informações por Whatsapp?

Adicione o número abaixo na sua lista de contatos e envie "Oi" para receber as notícias do Sou Sabará no seu Whatsapp