Bicentenário da morte do Aleijadinho é lembrado em Sabará

SALVAR

Considerado o artista plástico mais famoso do mundo, meado de 1970 Aleijadinho nos agraciou com suas artes em pedras e madeiras, são púlpitos, imagens, coros e várias outras peças que deixam os Sabarenses orgulhosos por serem detentores deste grande patrimônio mundial.

Na comemoração aconteceram várias atrações nesse final de semana, seresta com o grupo Sonho e Serenata, poesia com o belíssimo Arautos da Poesia e alguns poetas da cidade e palestra ministrada pela Professora Dra. Adalgisa Arantes Campo do departamento de historia da UFMG e finalizando o final de semana de comemorações aconteceu na Igreja Nossa senhora do Carmo a Missa Para Aleijadinho.

Continue lendo após a publicidade




Compartilhe:

Veja stories do Sou Sabará

Veja stories do Sou Sabará Notícias