Falta de chuva começa a preocupar abastecimento de água em algumas cidades de Minas

A falta de chuva e o aumento do uso da água por causa do calor, já começa a fazer várias cidades de Minas Gerais conviver com o rodízio de abastecimento de água. As cidades mais próximas de Sabará que já estão sofrendo com esse problema são Pará de Minas e Igarapé, mas a situação pode piorar em outras.

Para atendimento à população dessas cidades, a companhia estadual tem feito manobras operacionais no sistema e deslocado caminhões-pipa para reforçar caixas-d’água de hospitais, escolas e creches.

Continue lendo após a publicidade




Em nota, a Copasa admitiu que há outros municípios, dos 631 que atende, nos quais a situação tende a se tornar mais grave em função da queda mais acelerada da vazão de mananciais.

A dificuldade é semelhante em localidades não atendidas pela companhia estadual. No Triângulo Mineiro, as duas principais cidades sofrem com a seca: em Uberaba, de 290 mil habitantes, foi decretado estado de emergência e os moradores estão proibidos de lavar calçadas e carros, sob pena de multa de R$ 185. Em Uberlândia, com 624 mil habitantes, segunda maior cidade do estado, a população também convive com o racionamento.

Compartilhe:

Veja stories do Sou Sabará

Veja stories do Sou Sabará Notícias