“Supermaconha” é apreendida em Sabará, mulher foi presa com várias barras

SALVAR

A Polícia Civil de Minas Gerais (PCMG) apreendeu significativa quantidade de skunk (droga considera a “supermaconha”, na última sexta-feira (9/7).

As drogas foram localizadas após policiais do Departamento Estadual de Combate ao Narcotráfico (Denarc) receberem informações de que dois homens, de 22 e 33, realizariam uma possível transação de entorpecentes nas imediações do bairro Lagoinha em Belo Horizonte.

Continue lendo após a publicidade

Após monitoramento no local, policiais do Denarc apreenderam 10 barras de skunk, do tipo Colombian Gold, entorpecentes que seriam entregues a uma mulher, de 25 anos. Com ela, foram encontradas três barras da droga, sendo o restante arrecadado na casa dela, no bairro Novo Alvorada, em Sabará. Além de ser responsável pelo transporte, a suspeita também cuidava do armazenamento das substâncias ilícitas.

Divulgação/PCMG

Contra a mulher, presa na ação policial, já constava mandado de prisão expedido pela 2ª Vara de Tóxicos, em virtude de condenação, com pena estipulada em 7 anos e 3 meses pelo crime de tráfico de drogas. Os homens de 22 e 33 anos também foram presos.

A Polícia Civil seguirá com a investigação para identificar o fornecedor e outros envolvidos no crime.

Compartilhe:

Veja stories do Sou Sabará

Veja stories do Sou Sabará Notícias

Quer participar dos grupos no Whatsapp?

Se você tiver interesse em participar dos grupos do Sou Sabará no Whatsapp
Quer Receber Notícias Sim Não