Dengue: O que é, sintomas, tratamento e prevenção – Tudo que você precisa saber

SALVAR

A dengue é uma enfermidade febril originada por um vírus, que pode gerar sinais como febre elevada, desconforto na cabeça e/ou no corpo, aparecimento de manchas vermelhas na pele, sensação de enjoo e, em certas situações, desconforto abdominal, sonolência ou sangramentos.

O vírus da dengue é transmitido pelo mosquito Aedes aegypti, assim como os vírus da zika e chikungunya. Apesar de ser causada por um tipo diferente de vírus, os sintomas da dengue podem ser facilmente confundidos com os sintomas dessas outras doenças.

Continue lendo após a publicidade

Se houver suspeita de dengue, é aconselhável buscar orientação de um especialista em doenças infecciosas ou um médico generalista. Em geral, o tratamento consiste no uso de medicamentos como analgésicos e antitérmicos, além de descanso e ingestão adequada de líquidos, com o objetivo de aliviar os sintomas.

Sintomas mais comuns

Os sintomas mais comuns da dengue são:

A febre, que é geralmente o primeiro sinal da dengue, costuma durar de 2 a 7 dias. Além disso, é comum que ela seja acompanhada por outros sintomas como dor de cabeça, diarreia e náusea, que também são frequentes no estágio inicial da doença.

Normalmente, a partir do terceiro até o sétimo dia de doença, as pessoas com dengue começam a perceber uma melhora na febre e em outros sintomas. No entanto, durante esse período, a dengue pode progredir para uma fase mais perigosa em alguns casos, chamada de fase crítica.

Durante a fase crítica da dengue, é possível que a pessoa manifeste sinais como dor abdominal, vômitos persistentes ou sonolência, os quais indicam um maior perigo de desenvolvimento da forma hemorrágica da doença. Nesses casos, é recomendado buscar atendimento de emergência para avaliação. É importante conhecer os sintomas tanto da dengue clássica quanto da hemorrágica.

A dengue hemorrágica pode apresentar sintomas como sangramentos graves, pressão arterial baixa, dificuldade para respirar, dor no peito, confusão mental ou convulsões. Esses sintomas são mais comuns na fase crítica da doença e podem representar um risco de vida para a pessoa afetada. É importante compreender melhor o que é a dengue hemorrágica e seus sintomas.

Geralmente, o diagnóstico da dengue é realizado por médicos infectologistas ou clínicos gerais, que levam em consideração os sintomas apresentados pelo paciente e os resultados de exames de sangue, como o hemograma e os testes para detectar o vírus da dengue. É importante conhecer os principais testes utilizados para confirmar se trata-se de um caso de dengue.

Além disso, em determinadas situações o médico pode solicitar outros testes, como a verificação dos níveis de TGO, TGP, ureia ou creatinina no sangue e a realização de uma radiografia do tórax, a fim de avaliar a gravidade da dengue.

A maneira principal pela qual o vírus da dengue é transmitido é através da picada do mosquito Aedes aegypti, que se infecta ao se alimentar do sangue de alguém doente.

Apesar de ser menos comum, a dengue também pode ser passada da mãe para o bebê durante a gravidez ou no momento do parto, se a mãe estiver doente, e através de transfusões de sangue, transplantes de órgãos ou acidentes com agulhas contaminadas. Saiba mais sobre como ocorre a transmissão da dengue.

O tratamento da dengue geralmente envolve o uso de medicamentos para reduzir a febre, aliviar a dor e controlar os sintomas de náuseas. Além disso, é recomendado descanso e ingestão de bastante líquido para ajudar o corpo a eliminar o vírus de forma natural.

Entretanto, em situações mais sérias, pode ser necessário internar a pessoa no hospital para realizar o tratamento, que pode incluir a administração de soro intravenoso e/ou transfusões de sangue ou plaquetas. Para mais informações sobre o tratamento da dengue, consulte os detalhes a seguir.

Para tratar a dengue em casa, é aconselhado seguir uma dieta equilibrada, optando por alimentos leves e de fácil digestão. Também é importante evitar atividades físicas intensas e manter-se hidratado, bebendo bastante líquido para prevenir a desidratação.

Além disso, é possível utilizar remédios naturais como chá de camomila ou hortelã para complementar o tratamento prescrito pelo médico, pois possuem propriedades que podem ajudar a aliviar os sintomas da dengue. É importante saber como aliviar os sintomas da dengue em casa.

Geralmente, leva cerca de uma semana para se recuperar da dengue após o início dos sintomas. Após a febre desaparecer, o que normalmente ocorre entre o terceiro e o sétimo dia da doença, os sintomas começam a melhorar aos poucos.

Para evitar a dengue, é aconselhável tomar medidas como:

No entanto, a maneira mais eficaz de evitar a propagação da dengue é impedir que o mosquito se reproduza. Isso pode ser feito eliminando qualquer fonte de água parada, como vasos de plantas, baldes, pneus e garrafas plásticas. 

Vacinas da dengue: indicações, efeitos colaterais e quem pode tomar. Saiba mais!

Compartilhe:

Veja stories do Sou Sabará

Veja stories do Sou Sabará Notícias

Quer participar dos grupos no Whatsapp?

Se você tiver interesse em participar dos grupos do Sou Sabará no Whatsapp
Quer Receber Notícias Sim Não